domingo, 27 de junho de 2010

Comunicadoo



O que te leva a pensar que pode mandar em mim? Sou livre feito ave que voa pelo céu do mais limpo e puro azul, sou uma imensidão enquadrada em um círculo cheio de triângulos, sou a junção do bem e do pior, do céu e da escuridão que cerca o teu amanhecer. Sou as incertezas mais incertas que já tive que conhecer, sou a dor mais que intensa que tive que fazer, sou as escolhas que fiz e que faço, mas nunca serei aquilo que pensas, pois o que pensas está no teu ideal e eu deixei de ser ideia há muito tempo. Sou de carne e osso, não sou só uma, sou várias, sou um conjunto, se me queres leva o pacote completo, mas depois não diga que eu não avisei.

Nenhum comentário: