quinta-feira, 15 de julho de 2010

"Modernity old"

Checando novamente. Msn, não presta. Música, não entra. Papo, não flui. Letras, não saem. Então sim, agora sim. Está tudo normal.
É que às vezes eu não consigo entender toda essa paranóia. Ainda me lembro da minha antiga vida, dos meus velhos hábitos, eles continuam enterrados dentro de mim, mesmo depois de tantos anos. Acho que não gosto de mudanças. Antigamente, tudo era diferente, não sei se o que mudou foi eu ou o mundo. Mas, eu sei que as coisas estão diferentes.
Não se fazem músicas como antes, não se fala ou escreve como nos velhos anos de "cafonice". A moda agora é ficar, beijar na boca, trocar e-mais, sair pra badalar. A moda agora é não se guardar, não se apegar, não ser sincero, guardar sentimentos. A moda agora é ser infeliz pensando na felicidade que tá tão perto e longe. A moda agora é inventar realidades diferentes para pessoas reais, é sobrepojar o tempo para se alcançar sucesso, é destruir barreiras para se dizer poderoso. A moda agora é mudar constantemente, não se apegar à coisas, pessoas ou tempos, é viver em uma constante metamorfose. A moda agora é ficar calado, acreditar nas mentiras que se tornaram tão verdadeiras e viver a vida acreditando que tudo já é nosso.

Nenhum comentário: