domingo, 17 de outubro de 2010

Um passado do pretérito no futuro

"Você se lembra daqueles dias em que me amar era sua prioridade?"
Pois é, eu me lembro perfeitamente bem...
Você ligava pra mim, 
Você sorria pra mim,
Você brincava comigo.
Era tão bom estar contigo e 
poder ouvir o som da sua voz.
Era engraçada a forma como nossos
 lábios cantavam um pro outro.
Pareciam almas gêmeas,
destinados à passar horas e
 mais horas falando de coisas sem sentido.
E eu gostava,
gostava de não falar sobre nada,
gostava de rir das leseras,
gostava de pegar na tua mão
e ter a certeza que eu estava em casa.
Mas, hoje, não me sinto mais bem vinda ao entrar,
ou talvez, eu é que não quero mais te pertencer.

Um comentário:

taamfs disse...

queee lindoo Luuuuh. *-*