terça-feira, 6 de dezembro de 2011

Tempo x Tempo.

Os dias estão passando rápido. É verdade. E não temos nenhum poder para deter essa trajetória natural do tempo. Quer dizer, talvez teríamos se não estivéssemos tão interessados em tentar controlá-lo. Acho que seja esse o verdadeiro problema. Estamos sempre cheios, com e de tantas coisas, que perdemos o real sentido do que seja tempo. Aquele propriamente dito, presente, latente, pulsante nos nossos dias. Afinal, tempo é questão de sentir. E se não paramos para senti-lo, então, como saberemos que há tempo por todos os lados da nossa vida? É, existe o nosso tempo e o tempo como ele realmente é. Aprenda a diferenciar.

Um comentário:

B. disse...

Tempo só não existe pros que amam sejam na ânsia dele passar, na espera de que ele demore ou ambos ^^
#românticahoje