sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Tudo um dia se ajeita.

Quando tudo diz que não e você começa a ter certeza que aquele realmente não era seu dia, uma voz fala e continua a repetir: "calma, o pior ainda está por vir". Não é por falta de criação, muito menos por amargura. A verdade é que não sofremos hoje metade do que iremos sofrer amanhã. Então, relaxe, curta as pequenas particularidades do seu dia, mesmo que isso seja uma péssima nota naquela prova que você ralou muito estudando para fazer. "A vida não é justa, meu bem"... já diria esse velho ditado que a gente nem sabe de onde veio, mas que é tão presente quanto os cabelos da nossa cabeça e o suor na nossa "cara". Às vezes me pergunto qual será a verdadeira lógica da vida... se ela nunca é aquilo que queremos e nós nunca somos aquilo que dizemos.



Um comentário:

B. disse...

Você conseguiu ser otimista de uma maneira particular, amiga! Mas nada mais nada menos que verdadeira!
Adorei o post!